Editorial

Quem não deseja sentir-se melhor?

Edição#103

Ah se pudéssemos parar o tempo e ter mais tempo! Embora ninguém possa escapar do envelhecimento, é possível retardá-lo. Carlos Alves Junior e Fernando H. Alves são os dermatologistas que integram o corpo clínico do Instituto da Pele, centro especializado nos tratamentos de todos os tipos de doenças dermatológicas, desde as mais corriqueiras até as mais complexas como o câncer de pele. Outro diferencial dos médicos se comprova pela ampla experiência na manutenção da beleza e/ou a melhora da aparência da pele e seus anexos. São especialistas no rejuvenescimento da pele, correções de assimetrias na face, linhas de expressão, tratamentos de rugas, eliminação ou redução de manchas, melhora da flacidez facial e corporal, celulite, estrias, entre outros problemas que afetam homens e mulheres. Quem não deseja sentir-se melhor? Conheça os tratamentos mais modernos que contribuem para a melhora da aparência e bem-estar.
A partir desta edição, a Saúde News conta com novos parceiros referências em saúde torácica, renal e exame de Termografia. A Clínica do Tórax apresenta sua equipe e respectivas especialidades; Renalclin destaca as principais doenças que acometem os rins; Dr. Miguel Elvira conta sua história na Medicina e Acupuntura, além dos benefícios da Termografia Clínica, um exame não invasivo que auxilia na detecção de sintomas e doenças.
Terapia das Mãos também é um assunto em destaque. A Clínica Nas Mãos realiza uma abordagem personalizada para cada patologia, o que contribui para a reabilitação dos pacientes. No ramo de arquitetura, Roberta Maffessoni apresenta seus principais projetos na área hospitalar. Com a chegada do inverno, o psiquiatra Dr. Fabiano Agostinho alerta sobre a depressão sazonal. Cascavel agora conta com médico especialista em cirurgias nasais por vídeo, Dr. Lucas Henrique Vieira da Otorrino Santé. Já na neurocirurgia, Dr. Guilherme Agnoletto descreve um procedimento minimamente invasivo realizado para tratamento de aneurismas cerebrais, inovação na especialidade. Com somente três casos diagnosticados na região, a aniridia é uma doença rara e grave. Estes são apenas alguns dos temas desta primorosa edição. Vá adiante sem medo, pois nossa leitura não tem contraindicações!