SAÚDE NEWS

Editorias

Bem-Estar

20/05/2020
Eu e minha mãe

Ao visualizar os nossos projetos por meio de um olhar sistêmico, percebemos o quanto os nossos relacionamentos, seja amoroso ou social, a nossa saúde, a nossa prosperidade e a abundância estão diretamente ligadas com a relação que tivemos com nossa mãe.

Ela é a porta para o nosso ir... nos permite sermos flexíveis com a vida. Aliás, o início foi realizado graças ao nosso pai e nossa mãe, sem eles não existiríamos. Porém, foi com ela que mantivemos a segurança de estarmos vivos, aprendemos a deglutir nosso primeiro sabor, sentir nossas emoções e olhar para a vida. Permanecemos unidos o suficiente para traduzir em sentimentos o quanto devemos a ela e só podemos retribuir com amor, só assim nossa vida vai fluir ou paralisar de vez. Como está a sua?

Muitas pessoas me perguntam:
“Márcia Isabel tenho um bom relacionamento com minha mãe, mas não consigo ganhar dinheiro ou ter um relacionamento amoroso, sem contar na lista extensa de dificuldades relatadas pelas pessoas.”

Entendo a relação que tens com sua mãe, por esse motivo lhe pergunto:
Você permite que sua mãe seja a sua mãe? Quer realizar tudo para ela, pensa que ela não aguenta sozinha, não tem força ou tem dó dela? Sente que sua mãe passou por uma infância ou vida difícil? E, talvez, por isso tenha dificuldade de respeitar o destino dela? Quer dar tudo para ela? Faz de tudo para vê-la feliz?

O que você pensa e age com sua mãe define grande parte de sua vida. Uma das leis da vida é a Ordem, ou seja, os pais têm prioridades sobre os filhos. Eles dão aos filhos o que merecem. Quando um dos pais não consegue oferecer o amor é porque também não receberam de seus pais. Por qual motivo?

A Terapia da Constelação Familiar Sistêmica ajuda a incluir você no seu lugar, juntamente com os demais, tendo assim uma vida transformada.
 
Rua Pernambuco, 2450 - Coqueiral - CEP 85807-050 - Cascavel/PR - Fone: (45) 3224-7212 / 3038-7216 / 99972-4744 / 99931-8072
COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.