SAÚDE NEWS

Editorias

Prevenção

21/09/2019
Exame de termografia clínica auxilia na detecção do câncer de mama

Dr. Miguel Elvira

Descobrir o câncer de mama precocemente aumentam as chances de cura do paciente em 95%, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Contudo, não são todos os casos em que a doença é diagnosticada com mamografia e exames clínicos, pois algumas mulheres possuem maior densidade nas mamas, o que impede a identificação de nódulos. Em virtude disso, a termografia surge como uma aliada no diagnóstico da doença junto aos exames tradicionais.
A termografia é um exame clínico capaz de mapear qualquer região do corpo por meio da irradiação de calor, sendo eficaz na identificação de tumores em estágio inicial. O procedimento não é invasivo e não causa dor às mamas. As imagens são altamente precisas, captadas por meio de uma câmera apta a emitir radiação infravermelha e “fotografar” os nódulos em alta resolução, o que possibilita a ampla interpretação do exame.
Recomenda-se a termografia para as mulheres que desejam ter um resultado mais aprofundado nos exames ou que tenham alterações fibrocísticas nas mamas. Além disso, é uma tecnologia que auxilia no diagnóstico de outras patologias e na prevenção de potenciais fatores de risco.

Informe Publicitário


 
Rua Pernambuco, 2450 - Coqueiral - CEP 85807-050 - Cascavel/PR - Fone: (45) 3224-7212 / 3038-7216 / 99972-4744 / 99931-8072
COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.