SAÚDE NEWS

Editorias

Beleza e Saúde

15/03/2018
Dicas para cuidar da pele durante a gestação

Os cuidados com a pele são essenciais durante a gestação. Estrias, manchas e flacidez são algumas das alterações que podem acontecer neste período que preocupam as mamães. No entanto, surge outra preocupação: quais procedimentos estéticos as gestantes podem fazer? A dermatologista Kelinn Avelar preparou algumas informações e dicas sobre as principais dúvidas.

- Pintar, alisar ou utilizar matizantes?
Depende! Atualmente existem tintas específicas para gestantes. Porém, é necessário evitar descolorantes, tinturas ou alisantes que contenham os seguintes componentes: glutaraldeído, formol, amônia, iodo e chumbo. Não é indicado utilizar shampoos matizantes ou outros produtos que você desconheça os componentes, pois podem fazer mal ao bebê. É mais seguro respeitar as primeiras 16 semanas de gestação e consultar seu obstetra ou até mesmo levar os produtos até o seu dermatologista.

- Realizar procedimentos com laser, radiofrequência ou infravermelho?
Não pode! Mulheres grávidas não devem se expor aos aparelhos de laser devido ao excesso de produção de melanina nesta fase, o que pode resultar em manchas. Os tratamentos com radiofrequência e infravermelho também são contraindicados.

- Posso me expor ao sol e usar protetor solar?
Sim! Mas é importante respeitar os horários: antes das 10 e depois das 16 horas. O protetor solar é um item indispensável durante a gravidez, pois os raios ultravioletas contribuem para o surgimento de manchas. Além disso, no período gestacional há uma grande variação hormonal o que facilita a formação do melasma e cloasma (melasma da gestação). Então, pensando nisto a fotoproteção deve ser aumentada e de preferência filtro físico, pois alguns filtros químicos têm substâncias que não são desejáveis na gestação. Para saber mais discuta com o seu dermatologista!

- Fazer drenagem linfática?
Pode! A drenagem linfática é eficiente e recomendada principalmente após o quarto mês de gestação quando inicia o acúmulo de líquidos. É essencial realizar o tratamento com um profissional capacitado.

- Usar ácidos na pele e cremes hidrantes?
Depende! É preciso verificar o que sua pele precisa, por isso sempre consulte um dermatologista. Alguns alfa hidroxiácidos e a vitamina C são liberados. Os hidratantes devem ser específicos para abdome, coxas e mamas. Usar óleo de origem vegetal também auxilia neste cuidado. Não recomendo usar cremes à base de ureia.

- Tomar colágeno?
Sim! Na gravidez o colágeno ajuda a manter a hidratação e resistência da pele, o que auxilia na prevenção de estrias. A única restrição é com colágenos que contém adoçantes. Neste caso, o único indicado é o Stevia.

- Passar repelentes?
Claro! Eles são importantes na prevenção contra a zika,
dengue e febre amarela. Os repelentes à base de Icaridina duram em torno de 12 horas e são muito bons. Lembre-se de usar na sequência certa: primeiro o protetor solar e depois o repelente.