SAÚDE NEWS

Editorias

Notícias

15/03/2015
Teste da Linguinha passa a ser obrigatório em todo o país

Já começou a valer a medida que obriga hospitais e maternidades das redes pública e particular a fazer o chamado “teste da linguinha” em recém-nascidos. A determinação foi criada pela Lei 13.002/2014. O objetivo do exame é detectar se existe alguma alteração no chamado frênulo, membrana que liga a língua à parte inferior da boca, também conhecida como freio. A alteração pode gerar a popular língua presa. Caso seja detectado o problema, um pequeno corte na membrana é realizado. Esse problema bucal é uma alteração congênita com incidência de 10% a 16% na população. Em nota, a Sociedade Brasileira de Pediatria se manifestou contra a lei que obriga hospitais e maternidades a realizarem o procedimento.
Em documentos produzidos pelos departamentos de Neonatologia e Otorrinolaringologia, especialistas afirmam que não há consenso sobre a necessidade de remoção cirúrgica da anquiloglossia (alteração no freio da língua) e destacam que o problema não implica em urgência ou emergência clínica ou cirúrgica. Médicos também afirmam que o exame já é realizado rotineiramente pelo pediatra assistente como parte da avaliação física necessária para a alta hospitalar dos recém-nascidos e que não haveria necessidade de uma lei para tratar do assunto.

Fonte: Agência Brasil
Rua Pernambuco, 2450 - Coqueiral - CEP 85807-050 - Cascavel/PR - Fone: (45) 3224-7212 / 3038-7216 / 99972-4744 / 99931-8072
COPYRIGHT TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.