SAÚDE NEWS

Editorias

Notícias

15/03/2017
Oitenta jovens médicos recebem CRM e refletem sobre ética na profissão

O presidente do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR), Wilmar Mendonça Guimarães, esteve em Cascavel no dia 17 de fevereiro para recepcionar e entregar a documentação necessária para o exercício da profissão de 80 novos médicos, formados na Unioeste e na FAG. Além das saudações, Wilmar proferiu uma palestra sobre ética na profissão.
“Enxergamos com a maior esperança essa nova geração. Esperamos que eles tenham sido bem formados e bastante estudiosos na universidade para poder atender às necessidades da população da melhor maneira possível. Existe uma necessidade premente de mais profissionais e há espaço para muita gente”, declarou.
Durante a palestra, o presidente refletiu sobre o Código de Ética da Medicina, de 118 itens, e lembrou tópicos importantes da labuta, que somente surgem à medida que o trabalho começa a ser realizado. “Nossa intenção é orientar vocês (novos médicos) a evitar problemas, a prevenir-se e não repetir erros que chegam a nós no Conselho”, disse. Para o médico, com 44 anos de formação, a principal mensagem é de jamais ser negligente. “Precisamos ter uma postura proficiente. Precisamos fazer de tudo para beneficiar, resolver o problema do paciente e ainda fazer o uso racional dos meios”, orientou.
Ao fim e antes da entrega da documentação, o delegado regional do CRM de Cascavel, o oftalmologista Roberto Machado, também conversou com os jovens. “A maneira pela qual o conselho pode ajudar é fazer o que estamos fazendo agora, ou seja, falando sobre como é ser médico na vida prática. Dentro de um hospital universitário, os alunos estão protegidos, com auxílio de docentes e profissionais. Quando ele começa sua vida profissional e vai trabalhar num hospital de uma cidade pequena, por exemplo, tudo muda. Temos que fazer um trabalho junto ao governo federal para que os médicos possam ter essa retaguarda, essa estrutura para trabalhar em qualquer lugar”, explicou.
Por essas dificuldades iniciais, ele colocou todos os profissionais vinculados à instituição à disposição para tirar dúvidas e conversar sobre os desafios diários.