SAÚDE NEWS

Eventos

Eventos

15/09/2018
Grupo de Atenção à Obesidade busca implementar políticas públicas voltadas ao combate da doença

Instituições se mobilizam para combater a doença na região Oeste do Paraná

No dia 16 de agosto foi realizado o “3º Encontro de Atenção à Obesidade: Construindo Caminhos” na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). O evento foi direcionado a profissionais da área de saúde e teve cerca de 400 inscrições.
O coordenador do Serviço de Obesidade e Cirurgia Bariátrica do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (HUOP) Dr. Allan Cezar Faria Araujo iniciou o evento tratando sobre as experiências e paradigmas da obesidade na saúde pública, bem como a busca por melhoramentos nos serviços e atendimentos. Já o secretário Municipal de Saúde de Cascavel Rubens Griep palestrou sobre a constituição de uma linha de precauções da doença nos municípios da região.
Durante a tarde, foram realizados minicursos para conscientização sobre a obesidade com os temas: educação nutricional, aspectos psicológicos, atividades físicas e tratamentos clínicos e cirúrgicos.
De acordo com a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção de Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), divulgada pelo Ministério da Saúde no dia 18 de junho, a obesidade atualmente atinge 18,9% dos brasileiros. Já o sobrepeso apresenta-se em mais da metade da população (54%). Os dados refletem a saúde da população, cultura alimentar e hábitos sedentários, por isso, a preocupação dos órgãos e profissionais de saúde em reverter esse quadro ocorre no âmbito nacional.
Pensando nisso, foi criado o Grupo de Atenção à Obesidade (GAO), idealizador do Encontro, formado pelo Serviço de Obesidade e Cirurgia Bariátrica do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (HUOP), Centro Universitário Fag, 10ª Regional de Saúde, Conselho Regional de Secretários Municipais de Saúde (CRESEMS-PR) e Prefeitura de Cascavel por meio das Secretarias de Saúde e de Cultura e Esporte. As demais regionais de saúde do Paraná também marcaram presença no Encontro por meio de representantes, o que demonstra que a iniciativa tem estimulado a mobilização de outros profissionais e centros de saúde.


Dr. Allan Cesar Faria Araujo
Coordenador do Serviço de Obesidade e Cirurgia Bariátrica do HUOP

“Abordamos o cenário da obesidade no Brasil e no mundo e a necessidade de realizar ações efetivas no âmbito da saúde pública, principalmente no que se refere à prevenção e melhores opções de tratamento. Como a obesidade pode ocorrer em crianças, adolescentes, adultos, idosos e em qualquer classe social, temos um grande desafio. Por isso, estamos promovendo eventos que capacitem ainda mais os profissionais. Esse Encontro, por exemplo, é um dos resultados do nosso trabalho iniciado há mais de quatro anos no Hospital Universitário com um grupo que reconheceu a necessidade de expandir o serviço.”

Rubens Griep
Secretário Municipal de Saúde de Cascavel
“O GAO foi institucionalizado como um grupo do Conselho Regional de Secretários Municipais de Saúde (CRESEMS-PR) e a ideia é construir políticas públicas. A atenção ao paciente obeso mórbido e a cirurgia bariátrica são as últimas instâncias da linha de cuidado, que inicia na atenção primária, ainda na infância, com medidas preventivas e mudanças de hábitos. Temos que construir mais fortemente esse cuidado de maneira multidisciplinar e, por isso, nos reunimos no Encontro de Atenção a Obesidade com profissionais e secretários de saúde, para que os municípios se organizem e implantem ações que possam combater a doença e seus fatores de risco.”


Regina Mesquita
Chefe da Divisão de Assistência e Gestão de Saúde, representante da 10ª Regional de Saúde

“O GAO é um projeto audacioso que nasceu em meio a pessoas determinadas a enfrentar esse problema. A obesidade é uma doença que tem crescido a cada dia no Brasil e no mundo, por isso estamos trabalhando para combatê-la, realizando atividades e eventos para promover uma conscientização dos profissionais e da população quanto a gravidade do problema.”

Leda Paes Walcker
Fisioterapeuta representante do Ambulatório de Cirurgia Bariátrica e Obesidade do Hospital São Lucas
“O Hospital São Lucas iniciou o Serviço de Cirurgia Bariátrica e Obesidade em 2010 e, desde então, trabalhamos nos prés e pós-operatórios dos pacientes, bem como na prevenção, ou seja, tratando os pacientes para que não precisem passar pelo procedimento cirúrgico. O GAO auxilia no melhoramento das diretrizes da obesidade que ainda não são bem definidas e também estamos realizando estudos que contribuam para os serviços, tornando os atendimentos mais globalizados, desde atenção básica até a alta complexidade.”


Adroaldo Bittencourt
Representante do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Palotina-PR

“Nosso trabalho é voltado à saúde mental e pacientes com problemas psiquiátricos, depressão, psicose, alcoolismo e drogadição, por exemplo, sendo que alguns também apresentam problemas relacionados a obesidade ou já passaram por uma cirurgia bariátrica. Dessa maneira, muitos necessitam de um atendimento individualizado com orientações sobre o pós-operatório, como lidar com o organismo, sua nova constituição e funcionamento, além de apoio psicológico sobre autoaceitação. Portanto, esse Encontro contribui significativamente para nossa capacitação e entendimento de como prestar o melhor suporte a esses pacientes.”

Tatiana Mateus Rosendo
Representante da Secretaria de Esporte e Cultura de Cascavel
“Buscamos em conjunto com a equipe multidisciplinar (psicólogos, nutricionistas, médicos, enfermeiros, educadores físicos e etc.), criar uma ‘ponte’ com os pacientes portadores de obesidade, repassando o máximo de informações e estimulando-os a participar das atividades que são gratuitamente oferecidas pela Secretaria. Os técnicos e educadores físicos são profissionais capacitados para atenderem esses pacientes conhecendo suas peculiaridades. Oferecemos aulas de natação, hidroginástica, academia de musculação, treinamento funcional, entre outros, no Centro Esportivo Ciro Nardi. Nosso maior desafio é conscientizar esse público e tentar promover mais qualidade de vida, por isso, apoiamos o Encontro de Atenção à Obesidade e demais eventos.”


Anne Caroline Dalsenter
Fisioterapeuta representante do Núcleo de Apoio ao Atendimento de Saúde da Família (NASF) de Guaraniaçu

“No NASF desenvolvemos um trabalho em conjunto: fisioterapeuta, nutricionista, psicóloga e educador físico, atuando nos bairros e postos de saúde do município. Fornecemos informações, promovemos palestras, estimulamos a realização de atividades físicas, além de focarmos sempre na prevenção. Já temos um grupo sobre diabetes e hipertensão e agora daremos início ao grupo sobre obesidade, um dos motivos pelos quais resolvi participar do Encontro de Atenção à Obesidade.”