SAÚDE NEWS

Entrevistas

A saúde bucal faz a vida ficar melhor


 Doutor Sérgio Luiz Fonseca Maia e Dra. Carla Renata Bedin acreditam que um sorriso verdadeiro e bem-humorado faz a vida ficar melhor. Eles estão certos, pois a manutenção da saúde começa pela boca. A falta de cuidados com a cavidade bucal aumenta o risco de problemas respiratórios, sono, zumbido e, inclusive, doenças cardiovasculares. Sem a higiene adequada, ocorre a proliferação de bactérias que podem causar infecções, tendo início na boca e se espalhando gradativamente para outras partes do corpo. Portanto, a importância da saúde bucal vai além da digestão e linguagem, afetando a estética, a condição sistêmica do organismo e a vida social. Diante desse contexto, o casal de odontólogos presta atendimento à saúde oral da população, por meio de diversos serviços especializados. Chegaram a Cascavel há 10 anos trazendo na bagagem conhecimento técnico, coragem e experiência. Deu certo! Criaram a CS odontologia Especializada, CS Convênio e são reconhecidos como ótimos profissionais!

SN - Como educar uma criança para que ela se torne um adulto responsável pela sua saúde bucal?
CS - Em primeiro lugar, educando seus pais.  A orientação de crianças começa desde cedo, assim que nasce os primeiros dentes de leite e durante seu crescimento.  Ressalta-se a importância da escovação e o uso do fio dental, desta maneira vai crescer tendo hábitos de higiene oral adequados, evitando cáries. 
 
SN - Com qual frequência deve-se visitar o dentista? E o que envolve um check-up dental?
CS - Isso pode variar de acordo com a necessidade de cada paciente. Porém, o prazo máximo para as consultas de manutenção é de seis meses.  O Check-up geralmente envolve um exame oral completo, juntamente com a história médica e odontológica, rastreio para câncer bucal e uma limpeza profissional. Quem fuma ou bebe demais, demanda de visitas mais frequentes, evitando que problemas decorrentes dos vícios possam se agravar. 
 
SN - De que forma a dentição está ligada ao desenvolvimento e qualidade de vida humana?
CS - Está ligada ao desenvolvimento humano tanto na questão fisiológica, quanto na questão social. Os dentes são estruturas primordiais para o organismo, no entanto, toda sua funcionalidade pode ser comprometida se houver má posição dentária. Dentes tortos ou mal posicionados podem provocar dificuldade para mastigar e engolir os alimentos, alterar a fala e dicção, favorecer a respiração pela boca e, consequentemente, gerar falta de saliva, além de serem mais suscetíveis às cáries e comprometerem a autoestima do indivíduo. 
 
SN - Como é a estrutura da CS Odontologia e quais sãos os tipos de tratamentos realizados? 
CS - Temos duas unidades, a CS Convênio e CS Odontologia Especializada. Ambas contam com uma estrutura ampla e confortável, equipamentos modernos, materiais e utensílios de alta qualidade e cinco profissionais capacitados. Atendemos crianças, jovens e adultos nas áreas de dentística (restaurações), estética, implantes, endodontia (tratamento de canal), prótese (fixa, removível e total), ortodontia, odontopediatria e cirurgias odontológicas. 



“A odontologia é a minha vida”
Ele nasceu em 01/09/1965 na cidade de Alfenas, Minas Gerais, ao lado de uma faculdade de odontologia. Porém, esse fato não influenciou tanto na escolha de sua profissão, quanto o exemplo paterno: o pai era dentista! Sérgio Luiz Fonseca Maia formou-se em Odontologia pela Universidade Federal de Alfenas (Unifal), 1987. No mesmo local especializou-se em Periodontia, 1991. É Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade José do Rosário Velano (Unifenas) e, ainda, Especialista em Prótese Dentária pela ABO - Alfenas. 
Sua tenacidade, experiência e profissionalismo, contribuíram para que conquistasse um lugar de destaque na odontologia paranaense. Em 2011, fez mais uma especialização em Implantodontia pela Spassodonto, Faculdade Ingá, instituição em que atualmente é professor. Além dos dons de ensinar e promover sorrisos realiza-se com a rotina de consultório, pois valoriza o relacionamento humano. Revela que já foi uma pessoa estressada, mas hoje está em paz. Quando não se encontra trabalhando, gosta de passar o maior tempo possível com os familiares. Aliás, considera a família e a odontologia suas razões de viver.


“Eu não consigo me imaginar em outra profissão”
Carla Renata Bedin Maia graduou-se em Odontologia (1997) e especializou-se em Dentística pela Universidade José do Rosário Velano (Unifenas). Também é pós-graduada em Saúde Coletiva pela Universidade de São Paulo (USP), campus de Bauru e Especialista em Endodontia pela Spassodonto, Faculdade Ingá.  De lá para cá, já se passaram 19 anos promovendo saúde bucal e harmonia estética facial. Nasceu em 09/01/1976, na cidade de Campo Mourão. Escolheu sua profissão sem saber ao certo o que almejava, mas para sua surpresa apaixonou-se pela Odontologia, tanto que não se imagina atuando em outra função. A odontóloga considera-se detalhista e persistente. Seus serviços de excelência são justificados pela agenda de trabalho: sempre lotada! Ela gosta de ajudar aliviar dores, ver os pacientes saudáveis, com sorrisos mais bonitos e a autoestima elevada. Em outras palavras, sua motivação diária é a sensação de dever cumprido e os clientes satisfeitos. Casou-se em 2000 com Dr. Sérgio Luiz Fonseca Maia. Os frutos dessa união têm nome e idade: Lucas de 16 anos e Ana Beatriz, 9 anos. A mamãe amável e protetora fora do consultório gosta de curtir a família, receber os amigos, ler e assistir filmes.